-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
:: Últimas matérias desta coluna
Sentido da vida ( 22/08/2014 - Luisa Lessa )

Há tanta gente que vive à procura do “sentido da vida” e nunca tem a exata resposta. Isso porque o sentido da vida constitui um questionamento filosófico acerca do propósito e significado da existência humana e do viver no mundo habitado por pessoas

 
Brinquedos ( 21/08/2014 - Osvaldo Heinze )

e porque eu estava cansado destas bandas me pus a ler me esquecendo daqui e tanto, que me perdi dentro da história. Por incrível que possa parecer ao fechar o livro fiquei preso lá dentro e aqui somente meu corpo continuou na mesmice desta realidade.

 
Somente você ( 15/08/2014 - Luisa Lessa )

Conta tudo que adoro em ti... O que penso de ti... O que sou neste mundo, Que no coração cala fundo.

 
Bonecos sem corda ( 14/08/2014 - Osvaldo Heinze )

Sonhos, desejos, fantasias, enfim, o impalpável é tão surpreendente e etéreo que parece incapturável. Entretanto a literatura leva isto tudo de um indivíduo para outro através de uma ponte de palavras e o imaterial tem mais poder que a realidade...

 
Madrugada. ( 09/08/2014 - Sônia Evangelista )

É no silêncio da madrugada, Que mais uma vez tenho certeza, De precisar a cada dia mais Do aconchego de seus braços, Para suportar todo o barulho De mais um dia.

 
No silêncio da madrugada ( 09/08/2014 - Mauro Moura )

Todos perturbantes do sonhado silêncio.

 
Morena do ipê ( 07/08/2014 - Osvaldo Heinze )

As letras tem o poder de fazer transcender quem as usa e de uma maneira única para cada ser. Então graças a elas um mundo se forma dentro da mente criadora e fantásticas imagens tomam vida. Pronto! Nova viagem inicia, fazendo esta dimensão ficar esqu

 
Tão somente por nada ( 06/08/2014 - Osvaldo Heinze )

Sonhos, desejos, fantasias, enfim, o impalpável é tão surpreendente e etéreo que parece incapturável. Entretanto a literatura leva isto tudo de um indivíduo para outro através de uma ponte de palavras e o imaterial tem mais poder que a realidade...

 
Uma canção para voce ( 04/08/2014 - Jorge Azevedo )

Escutando a canção voce chegou em meu pensamento e a canção se transformou num poema de amor para voce.

 
Mil Cores ( 03/08/2014 - Sônia Evangelista )

Neste anoitecer dentro e ao redor de mim. Destaco entre as cores que vejo o AZUL Cor do mar, o céu, do infinito, cor do meu E do seu tão largo e belo sorriso!

 
Pra ter fulô o machado cantô ( 03/08/2014 - Mauro Moura )

No prenúncio de uma linda primavera vem a fulô

 
Despudorada ( 31/07/2014 - Sônia Evangelista )

Dou-me a ti outra vez . Liberando a fêmea despudorada No prazer que me proporciona Quando me faz sua: Mulher... Amante... Amada... E neste momento então Já não pensamos mais em nada...

 
Minhas poesias não me pertencem ( 31/07/2014 - Luciano Andrade )

Elas têm vida própria

 
Inverno Em Mim ( 30/07/2014 - Magali Cunha )

Definitivamente não sou velha, meu corpo é que deixou de acompanhar a idade que sinto ter.

 
Faxinando ( 30/07/2014 - Sônia Evangelista )

Dias de aina são necessários, para começarmos dias mais limpos e mais claros...

 
Mel do Prazer ( 29/07/2014 - Sônia Evangelista )

quando a noite chega, nos permitimos em sonhos delirios de amor, sonhar om quem já partiu e ainda não voltou. E é assim que eu sonho todas as noites e me perco no doe mel do prazer.

 
Momento de Fé ( 28/07/2014 - Sônia Evangelista )

Todos temos o nosso momento de oração, momento de fé, em que pedimos a Deus proteção para os que nos são queridos.

 
Explode coração ( 28/07/2014 - Jorge Azevedo )

Ah, coração. Voce vive dentro do meu corpo e eu protejo voce e quem me protege coração, se voce abre todas as portas e deixa o amor entrar?

 
Tudo em Breve. Ou tem Outro? ( 28/07/2014 - Roque Weschenfelder )

Conto classificado no Concurso Prosa na Estrada, do IEL-RS. Tudo começou há um minuto. Precisava decidir se iria ou não. Impossível perder segundos demais. Ela propôs o encontro no meio do caminho, 600 quilômetros para cada, de ônibus. Chegada de

 
Saudade de San Francisco ( 26/07/2014 - Jorge Azevedo )

O avião ainda está pista, pessoas ainda descem, umas vindo, outras voltando e minha vontade é retornar para rever minha namorada deixada em San Francisco.

 
Despertar ( 23/07/2014 - Osvaldo Heinze )

e porque eu estava cansado destas bandas me pus a ler me esquecendo daqui e tanto, que me perdi dentro da história. Por incrível que possa parecer ao fechar o livro fiquei preso lá dentro e aqui somente meu corpo continuou na mesmice desta realidade.

 
Voce em meu poema ( 20/07/2014 - Jorge Azevedo )

Voce não me deixa compor um poema que não seja para voce.

 
Vasto mundo há em mim ( 20/07/2014 - Luciano Andrade )

Vasto mundo há em mim Vários caminhos a descobrir

 
Desabafando com o tempo ( 17/07/2014 - Jorge Azevedo )

E o tempo me deixou abandonado, escravizado a receitas e manias.

 
Uma dor que dói sem eu definir ( 16/07/2014 - Jorge Azevedo )

E a dor que voce deixou foi tamanha que nem sei onde a dor está a doer.

 
1 2 3 4 5 Próxima
 

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo