-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 

Você está em Religião Outras
 
Mauro Souza

[ Mauro Souza ]   Veja o Perfil Completo deste Colunista
Bacharel em teologia e filosofia e mestre em Ciências da Religião pela Universidade Mackenzie.

 

A Importância da Religião

Os maiores pensadores do mundo defenderam a tese de que a religião é importante não somente para o entendimento metafísico, como tambem para o entendimento social  do ser humano.

A despeito do materialismo e do ateísmo que foi defendido por boa parte dos pensadores, alguns entenderam que não se deve anular por completo a questão religiosa do ser humano.

Para Albert Einstein, “A ciência sem religião é aleijada, a religião, sem ciência, é cega”. Em seus estudos, levou em consideração não apenas a ciência da experiência como também o ser humano como parte de uma conjuntura metafísica.

Para Platão, “Quem elimina a religião elimina a todo e qualquer fundamento da sociedade humana”.

 

Assim para Platão a  idéia do Bem seria o centro da religião. A ciência seria o modo de explicação de uma coisa já existente. Seu culto essencial é representado pela ciência, a ciência seria a representação e, portanto, pela virtude que deriva necessariamente da ciência. Ao lado, e subordinadas a esta espécie de Deus supremo, estão as demais idéias, denominadas por Platão, “deuses eternos”. Entretanto, este absoluto - o Bem e as idéias - embora transcendente, espiritual e ético, não pode tornar-se objeto de religião, nem sequer da religião assim chamada natural, dadas a sua impersonalidades e inatividade a respeito do mundo.

Ademais, é impossível ignorar o papel da religiosidade na cultura e da cultura na religiosidade. Ademais, a religião é como um espelho que mostra as vertentes da formação cultural de qualquer povo.





Você gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos:

 
Facebook
Twitter: Google+

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
s
s
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O botão de comentário acima irá acionar o colunista para te postar uma resposta sobre o comentário. Ou, se preferir, comente usando seu perfil do Facebook:




:: Chacotas inconsequentes ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Evocação dos mortos ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Sentimento e moralidade precedem à intelectualidade ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Sejamos nós a mudança que nós queremos ver no mundo ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Extinção, prejuízo, abandono e “luto” ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Jeitinhos do Brasil ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Era esperançosas ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Sexualidade e responsabilidade ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Medo de morrer ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Palavrões ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Vícios e vampirismos ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Vencer na vida ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: O espírita ante a revolução e evolução ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Morrer dói? ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Eutanásias ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Curanderismos superficiais ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: A consciência não e escrava do cérebro ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Médico espírita ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Homem e mulher e homofobia ( Religião Outras - Jorge Hessen )

:: Evolução inteligente ( Religião Outras - Jorge Hessen )
 
 
LiveZilla Live Chat Software

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo