-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 

Você está em Ciências e Tecnologia
 
José Menegatti

[ José Menegatti ]   Veja o Perfil Completo deste Colunista
Considerado um dos maiores conferencistas no desenvolvimento do potencial humano e um expert em desempenho de alto nível.

 

Por que novos produtos duram menos?

Esta é uma pergunta que ronda nossas mentes, diante de tanto esforço por parte do marketing das empresas, mesmo com tantas informações e ferramentas aplicadas para que produtos e lançamentos durem mais.

Antigamente, aparelhos eletrônicos, como televisão e som tinham vida útil de oito a dez anos. Hoje são substituídos a cada dois ou três anos. A aceitação do conceito de descartabilidade alimenta ainda mais a febre de lançamentos de novos produtos.

Os consumidores estão cada vez mais propensos a experimentar novidades. Em virtude das empresas estarem a todo o momento lançando novas marcas, novos ingredientes, sabores, características ou embalagens diferentes. 

Tudo isso porque os clientes estão dispostos a abandonar os produtos que estão usando, se o novo o satisfaça plenamente. Em compensação, também poderão abandonar a nova marca se a promessa não for cumprida.

Entre em um supermercado e faça uma análise de quantos iogurtes são oferecidos. Você provavelmente conseguirá achar mais de 50 tipos diferentes. No Brasil podemos encontrar mais de 400 modelos e marcas de carros. Acha muito? Abra uma revista especializada em automóveis e conte quantos tipos diferentes de carros são oferecidos.

As empresas, em busca por diferenciação, já identificaram e desenvolveram mais e mais segmentos e nichos, o que resultou em um mercado hiperfragmentado. Logo, logo chegaremos ao marketing de produtos personalizados, um a um.





Você gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos:

 
Facebook
Twitter: Google+

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
s
s
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O botão de comentário acima irá acionar o colunista para te postar uma resposta sobre o comentário. Ou, se preferir, comente usando seu perfil do Facebook:




:: Evolução (Parte II) – Especulação e perspectivas. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Evolução (Parte I) – Teoria e coerência. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: O êxodo para Marte – Astronáutica & História. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Novas tecnologias ( Ciências e Tecnologia - Jorge Hessen )

:: Meteorologia ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Física Quântica: Átomos e moléculas - uma breve introdução à Física Quântica. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Tecnologia permite aparelhos funcionarem sem bateria ( Ciências e Tecnologia - Wallace Moura )

:: Casa Galileu Galilei impulsiona evolução do pensamento científico ( Ciências e Tecnologia - Isis Nogueira )

:: O primeiro computador e sua relação com a astrologia/astronomia. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Astrologia/Astronomia - Meteoritos...Quem disse que os problemas não caem do céu? ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Astrologia/Astronomia - As anãs marrons. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Astronáutica: reflexões e perspectivas. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Tecnologia ajuda jovens autistas ( Ciências e Tecnologia - Ana Paula Lisboa )

:: Aparelho para medir gasto de energia ( Ciências e Tecnologia - Ana Paula Lisboa )

:: Na mira dos copycats ( Ciências e Tecnologia - Patrícia Cozer )

:: Kepler-22b ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Astronomia/astrologia - Triangulação entre Júpiter, Vênus e a Lua em 1º de dezembro de 2008. ( Ciências e Tecnologia - Roberto Bastos )

:: Óleo no Mar ( Ciências e Tecnologia - Mario Villas Boas )

:: A força que tem um rumor ( Ciências e Tecnologia - De Angellis )

:: Religião e Ciência ( Ciências e Tecnologia - Mario Villas Boas )
 
 
LiveZilla Live Chat Software

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo