-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 

Você está em Religião Cristã
 
Alessandro Mendonça

[ Alessandro Mendonça ]   Veja o Perfil Completo deste Colunista
Formado em Teologia pela Faculdade Teológica Batista Nacional (DF) em 1997 e ordenado Pastor batista em 1998.

 

Sinais ou Circunstâncias - O que guia sua fé?

José ficou na prisão, mas o Senhor estava com ele e o tratou com bondade, concedendo-lhe a simpatia do carcereiro. Por isso o carcereiro encarregou José de todos os que estavam na prisão, e ele se tornou o responsável por tudo o que lá sucedia. O carcereiro não se preocupava com nada do que estava a cargo de José e lhe concedia bom êxito em tudo o que realizava
– Gênesis 39:20-23

Não são as circunstâncias que revelam a bondade de Deus. São os “sinais”. As circunstâncias são evidentes para todos. Os sinais, apenas para os que crêem. A verdade é que Deus sempre é bom, mas sua bondade se manifesta de diferentes modos em situações diversas. Deus é bom para o pobre de uma forma; para o rico, de outra. Para o são e para o doente, para o liberto e para o encarcerado e, por mais que seja difícil compreender, Deus é bom para a vítima de uma tragédia, tanto quanto para os sobreviventes à ela.

Deus era com José. A Bíblia diz que “O Senhor lhe...concedia bom êxito em tudo o que realizava”. Se esse versículo fosse recortado de seu contexto, pensaríamos que ele estaria se referindo a algum mago das finanças ou um empresário de sucesso. Alguém como Bill Gates, por exemplo. Mas José era um exilado-escravo-presidiário. Como ser bem-sucedido nessas circunstâncias?

O pior do pior do pior, do pior – Há algo pior do que estar preso? Sim, estar preso injustamente. E pior do que isso? Sim. É estar preso injustamente no exílio. Se você for liberto ou fugir, para onde irá?

Uma conhecida expressão do apóstolo Paulo é utilizada por muitos como o mantra gospel do êxito: "Tudo posso Naquele que me fortalece". "Tudo posso" significaria que posso comprar um utilitário último tipo, posso ganhar um milhão de dólares, posso conquistar aquele posto de trabalho. Posso tudo! Mas o contexto no qual a famosa frase está inserida aponta para mais "tudos" do que imagina nossa vã filosofia. Paulo está se referindo mais à sua resiliência do que à sua capacidade. Posso tudo: Posso sofrer um naufrágio, posso ser açoitado, posso ser apedrejado, posso passar privações tanto quanto posso ter em abundância. Posso todas as coisas por causa daquele que me fortalece. Esse é o sentido e a mesma ideia se aplica aqui. Posso passar pelo pior, do pior, do pior.

"Bom êxito em tudo?" Onde? Quando? - “O Senhor lhe...concedia bom êxito em tudo o que realizava” diz a Bíblia. Mas, que tipo de coisa há na qual se possa ser “bem sucedido” numa prisão? Não se vendem livros de auto-ajuda com o título "Torne-se um presidiário de sucesso!" O texto diz também que Deus mostrou sua bondade a José ao fazer com que ele ganhasse a simpatia do carcereiro. Agora, imagine José dizendo: “Deus tem sido bom comigo. Como eu sei disso? Ora, veja o que Ele me fez! Concedeu-me a simpatia do carcereiro!”. Não parece o típico testemunho que ouvimos nas igrejas. Se estivéssemos presos, o que nós consideraríamos como uma evidência da demonstração da bondade de Deus em relação a nós? Pelo que oraríamos? Para que Deus nos concedesse a liberdade? Vingança? Um indenização milionária? Ou... a simpatia do carcereiro?

Se você estiver preso, pode ser que Deus o liberte. Também pode ser que não. Mas, quando as circunstâncias forem desfavoráveis, há algo que você pode esperar com certeza: um sinal.

Preste atenção aos sinais - Como pode um carcereiro confiar em um estrangeiro? Ainda mais um levado à prisão por um dos oficiais de Faraó, acusado de ter-lhe traído a confiança?

José foi colocado na condição de supervisor carcerário, ainda que tivesse ido para a prisão acusado por alguém que também o tinha colocado na condição de supervisão, de liderança, num cargo de confiança. Será que o carcereiro recebeu José na prisão e, passado algum tempo, disse para ele: Gostei de você. Fui com a sua cara. Vou te dar as chaves disso aqui e agora você comanda tudo. Será que foi assim? No caso de José, já seria difícil uma relação amistosa entre um carcereiro e um prisioneiro. Quanto mais uma relação de confiança como a que ocorreu. Não foi um episódio comum. Não foi uma progressão de pena à moda egípcia. Foi um sinal de Deus.

O texto relaciona a “bondade de Deus” com o fato de José ter sido beneficiado pelo carcereiro. A bondade de Deus não precisou se manifestar através da libertação. Tornar um prisioneiro estrangeiro administrador de uma prisão real foi um milagre muito maior. Foi um sinal. Um sinal de que Deus sempre estará junto àqueles que acreditam Nele. Nem sempre livrando, nem sempre recompensando... Mas, sempre dando "sinais" de sua bondade, quaisquer que sejam as circunstâncias.

Essa pequena porção da vida de José nos mostra que:

Deus também age na prisão, acompanha seus servos,  os usa, abençoa outras pessoas através deles  e está “por trás” da simpatia que seus eles alcançam, subvertendo a lógica prisional e tornando seus servos como referência de confiabilidade dentro da prisão e colocando-os em condições acima do esperado (acima do convencional), concedendo a eles, de fato, "sucesso em tudo que fazem".

A prisão pode ser um lugar de “sucesso”, um lugar onde se pode ser “bem sucedido”. A prisão pode ser o destino de Deus para um servo fiel e inocente, pode se tornar em lugar de bênção, um lugar onde nosso comportamento pode nos tornar distintos dos demais, um lugar onde há exercício de autoridade.

Por definição, "sinais" são elementos distintos do ambiente onde ocorrem. Prisões, bem como situações desfavoráveis em geral, são ambientes excelentes para a manifestação de um sinal da parte de Deus. Um sinal da sua bondade e da sua companhia. Sempre ouvimos falar de “tratamentos de beleza”. Todo mundo aprecia um. Quem gostaria de receber um “tratamento de bondade” da parte de Deus? O patriarca José recebeu um. Numa prisão. E aí? Você topa?





Você gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos:

 
Facebook
Twitter: Google+

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
s
s
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O botão de comentário acima irá acionar o colunista para te postar uma resposta sobre o comentário. Ou, se preferir, comente usando seu perfil do Facebook:




:: Mais ficção e menos conhecimentos bíblicos ( Religião Cristã - Ruy Matos )

:: Avivamento e convicçao de pecado ( Religião Cristã - Silaell Dantas )

:: Bendito seja o Deus da nossa salvaçao ( Religião Cristã - Silaell Dantas )

:: A inegociável Palavra de Deus ( Religião Cristã - Silaell Dantas )

:: Tempos difíceis profetizados por Jesus Cristo ( Religião Cristã - Ruy Matos )

:: Se Tu És Igreja de Deus ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: Por Se Multiplicar a Iniquidade ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: O Paradoxo de Epicuro ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: A Multiplicação Dos Pães E Peixes ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: Filhos orientados para a fé ( Religião Cristã - Carlo Dionei )

:: Importa antes obedecer à Deus ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: Perigosas polêmicas religiosas ( Religião Cristã - Ruy Matos )

:: Lidando com reclamações ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: O missionário viável - alguém que torna a vida melhor onde quer que esteja ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: As verdades sobre a Videira ( Religião Cristã - Linaldo Lima )

:: A Verdade Está Com Os Símplices ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: A vida que somente Ele dá ( Religião Cristã - Linaldo Lima )

:: A Triade da Graça ( Religião Cristã - Linaldo Lima )

:: O Sucesso é... Ser Um Escolhido! ( Religião Cristã - Alessandro Mendonça )

:: Milagres ( Religião Cristã - Carlo Dionei )
 
 
LiveZilla Live Chat Software

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo