-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 

Você está em Política
 
Manoel Tupyara

[ Manoel Tupyara ]   Veja o Perfil Completo deste Colunista
Bacharel em comunicação social, habilitação jornalismo, graduado pela Universidade Gama Filho

 

República Federativa da Hipocrisia II

No Brasil a arte de conduzir o povo a uma falsa situação é  tão correntes em nossas veias que uma certa deputada federal, do quadro do partido dos trabalhadores se fantasiou de empregada doméstica, função esta que não exerce a mais de trinta anos.

Isso aconteceu na Casa do Povo, na Câmara dos Deputados, a dita cuja salientou que estava homenageando às empregadas domésticas pela passagem do seu dia. Curioso que isso acontece em ano eleitoral, esta arte de encenar é bastante antiga, foi inventada por Tespis em 600 a. C., na Grécia antiga e os nossos deputados ou deputadas se fortalecem com o obscurantismo do nosso povo e tem o poder de intrujá-lo da maneira mais vil que pode acontecer.

Uma parlamentar que no inicio de sua carreira política contou com a maioria dos desafortunados, viveu a miséria na carne e na alma, jamais poderia hoje, mais de trinta anos, usar da hipocrisia para alçar popularidade em nome dos menos desfavorecidos.

Uma congressista que usa seus eleitores unicamente para se eleger e quando estes que a deu emprego a procuram, essa se esconde, fornecendo endereço falso, apresenta correlegionária como para-choque a não incomodá-la, não merece ser representante legítimo do povo.

Para infelicidade do Brasil, a nossa sociedade é portadora de deficiência visual, não tem condições de enxergar o que ocorre abaixo do seu umbigo. Se o povo brasileiro tivesse visão privilegiada do terreno que habita, esses farsantes de plantão, já não estariam entre nós há muito anos, se estivessem teriam um comportamento diferente, de pessoas de bem apresentando probidade.

Uma parlamentar incapaz intelectualmente, que despreza seus amigos eleitores e só em época de pleito tem a lembrança de enviar santinhos a estes para elegê-la, não requer consideração em nenhum momento que por ventura no futuro vier a precisar. 

Tipos como estes,  que têm na alma a falsidade idolatrada, a  mente ardilosa que trabalha com o silêncio das palavras para entorpecer os mais incautos devem sim serem decapitados da política nacional.

Mas, como um povo ignaro vai ter percepção de amputar um tumor cancerígeno de seus membros se ele não tem conhecimento que esse mau te faz? Pobre povo está fadado a morrer deste mau, sem o mínimo de recurso para aliviar a sua dor incessante, que só resta a ele lastimar e pedir a Deus que serene esta dor e ter um futuro que só ele, o Supremo Arquiteto do Universo saberá. 





Você gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos:

 
Facebook
Twitter: Google+

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
s
s
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O botão de comentário acima irá acionar o colunista para te postar uma resposta sobre o comentário. Ou, se preferir, comente usando seu perfil do Facebook:




:: Encontro de exércitos ( Política - Jorge Azevedo )

:: Se todos são inocentes, quem são os culpados? ( Política - Jorge Azevedo )

:: Céus da Síria ( Política - Jorge Azevedo )

:: O valor do meu voto ( Política - Jorge Azevedo )

:: O pesadelo era sonho ( Política - Jorge Azevedo )

:: O poder da vergonha II ( Política - Manoel Tupyara )

:: O Poder da Vergonha I ( Política - Manoel Tupyara )

:: A democracia não merece isto. ( Política - Manoel Tupyara )

:: O Brasil político e seus políticos ( Política - Jorge Azevedo )

:: O processo de impeachment da presidente Dilma ( Política - Jorge Azevedo )

:: Faltou cimento, a casa caiu ( Política - Jorge Azevedo )

:: Constrói-se nova mentalidade nacional ( Política - Nylton Batista )

:: Brasil - Crise de Identidade 1 ( Política - Elisabeth Camilo )

:: Acordo da polêmica II ( Política - Nylton Batista )

:: Quem não tem cão, caça com gato - ou o Brasil que não queremos ( Política - Elisabeth Camilo )

:: As Mil Palavras ou Eu preciso me comunicar ( Política - Elisabeth Camilo )

:: A sociedade que eu quero viver ( Política - Jorge Azevedo )

:: Concepção negativa de pobreza ( Política - Luisa Lessa )

:: Por que se é contra a cpmf ( Política - Nylton Batista )

:: Os males da democracia ( Política - Roberto Bastos )
 
 
LiveZilla Live Chat Software

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo