-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 

Você está em X Diversos
 
Jorge Azevedo

[ Jorge Azevedo ]   Veja o Perfil Completo deste Colunista
Paisagista, Decorador, Professor e Poeta

 

O apocalipse nas mãos dos homens?


Um homem foi queimado vivo. Se foi ontem, se foi o mês passado, que importância isso tem? Um homem foi queimado vivo.

Estamos retroagindo, voltando ao tempo da caça às bruxas, feiticeiros são incendiados em nome de Deus. O homem está matando escandalosamente, em nome de Deus e o mundo, não está pasmo, o mundo está anestesiado, aguardando moribundo a criação de um novo reinado, um novo reich. Está se formando o quarto Reich, e, pusilânimes, o mundo esta pagando para ver?

Revoltam-se e indignam-se alguns contra a execução de traficantes, não se revoltam e indignam-se alguns, com a banalidade da vida nas mãos dos carrascos do Estado Islâmico.

Atrozes bárbaros matam em nome de Deus, em nome de Alá, em nome de Oxalá, em nome de Jeová, em nome de Javé, em nome de tantos nomes de Deus.

Não podemos, não devemos aceitar um mundo onde a palavra se transforma, para alguns, em atitudes, enquanto para outros, o sangue se transforma em moeda.

Se há retrocesso, que não se proceda o retrocesso unilateral. Se a barbárie medieval impera, que seja dente por dente, olho por olho. Não se pode oferecer o outro lado da face para ser esbofeteado por quem não tem face.

Deus não aceita estas mortes como prova de amor, Deus está estático diante do apocalipse antecipado do homem para o homem, por causa da inércia do homem em se fazer justo nas punições aos homens.

É imperdoável o temor das grandes nações em dizimar um cancro. É incompreensível que o poderio bélico de exércitos sejam insuficientes para acabar com a onda fanática de fanáticos entorpecidos pela sede de poder, de domínio, de ignorância, de sangue.

Se se falam tanto em demônios, eis os demônios em carne e osso. Se se falam em vampiros, eis os vampiros sedentos de sangue e sangue já não lhes bastam. Eles querem causar dor, sofrimento. Não é mais matar por matar. Não é mais chocar o mundo com as decapitações.

O homem está matando o homem queimando-o vivo diante do mundo e o mundo se sente incapaz de deter essas mãos assassinas.

O que está havendo com o mundo? Com os homens? Um grupo de fanáticos mata em nome de Deus e os defensores de Deus cruzam os braços.

É o fim do mundo, o mundo está cansando de ser mundo habitável para monstros e os monstros começaram a se comer vivos, agora devorando seus semelhantes, queimados.





Você gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos:

 
Facebook
Twitter: Google+

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
s
s
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O botão de comentário acima irá acionar o colunista para te postar uma resposta sobre o comentário. Ou, se preferir, comente usando seu perfil do Facebook:




:: A finitude humana ( X Diversos - Fabiana Barros )

:: O apocalipse nas mãos dos homens? ( X Diversos - Jorge Azevedo )

:: Aprendizado ( X Diversos - Luiz Martins )

:: Ensaio sobre a surdez ( X Diversos - Elisabeth Camilo )

:: Metas ( X Diversos - Luiz Martins )

:: O que é mais importante, ser inteligente ou ser esforçado? (II) ( X Diversos - José Menegatti )

:: Algumas explicações ( X Diversos - Sivaldo Venerando )

:: Feliz Ano Novo Ano Novo: Happy New Year ( X Diversos - Luisa Lessa )

:: Sociedade secreta para o emprego ideal ( X Diversos - Sílvia Sena )

:: Você está criando ou adiando o futuro? ( X Diversos - Ivan Postigo )

:: Descrição do amor ( X Diversos - Patrícia Cozer )

:: Um dia bom para falar de sacanagem ( X Diversos - Jorge Azevedo )

:: os apreciadores da cachaça e os hipócritas de plantão. ( X Diversos - Pedro Agostinho )

:: Descaso de recepcionista ( X Diversos - Patrícia Cozer )

:: A Sapiência do apedeuta x evolução ( X Diversos - Luiz Phelipe )

:: O valor das pequenas coisas ( X Diversos - José Flôr )

:: Afinal, somos o país do carnaval, do futebol ou da bundalização? ( X Diversos - Pedro Agostinho )

:: Campo Santo: Entre a Vida e a Morte! ( X Diversos - Albino Sobrinho )

:: Carta aos Chicos, Joãos, Marias, Carolinas... II ( X Diversos - Farid Houssein )

:: Tecnologias, Comemorações e Vida ( X Diversos - Virgínia Origuela )
 
 
LiveZilla Live Chat Software

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo