-- Animais & Cia
-- Atualidades
-- Cidades
-- Ciências e Tecnologia
-- Coluna Social
-- Crônicas e Poesias
-- Educacao
-- Empresarial
-- Entretenimento
-- Esportes
-- História e Literatura
-- Humor
-- Informática
-- Internacional
-- Jovens
-- Justiça & Direito
-- Meio Ambiente
-- Pais e Filhos
-- Política
-- Religião Cristã
-- Religião Outras
-- Sexo
-- Terceira Idade
-- Turismo
-- Vida e Saúde
-- X Diversos
.

 
 

Você está em Humor
 
Jurandir Araguaia

[ Jurandir Araguaia ]   Veja o Perfil Completo deste Colunista
Escritor goiano. Premiado no Concurso FC do B - Panorama 2006/2007 (www.fcdob.com). Publica textos que tratam com bom-humor o cotidiano, quando a situação permite, e mordiscando universos fantásticos...

 

Presidente, Obama, Rogai por nós!

Em busca de uma luz no fim do túnel, nesta primeira parcial do final dos tempos, em plena quarta-feira de cinzas, que não podia ser outra, o Presidente Barack Obama, menino de ouro do Quênia, fez o que sabe fazer de melhor: discursou no combalido Congresso Americano trazendo o entusiasmo por dias melhores que nossos sonhos esperam que um dia cheguem.

Com a voz pausada e firme, como bem convém aos estadistas lúcidos (recado indireto na  aorta de Hugo Chávez), subiu à tribuna e encarou seus entusiasmados compatriotas, sendo dezenas de vezes interrompido por palmas (e isso não é figura literária do cronista).

Foi o discurso inaugural no Congresso e esperemos que abra as portas da sanidade mundial, reduzindo um pouco o apetite dos Senhores das Armas, que nunca se dão mal em crises, vendendo bateladas de mísseis, canhões e explosivos a serem testados nas cabeças iraquianas, afegãs ou quaisquer outras que se ponham no caminho da locomotiva americana.

Prometeu reduzir os gastos no Iraque, queria mesmo que prometesse uma saída discreta, à francesa, indo embora por que já se faz tarde. Além disso, rompeu com contratos sem licitação assumidos pelo governo antecessor (alguém sente falta do Bush?). Acreditava o cronista, na sua santa ingenuidade latina, que contratos sem licitação existiam apenas em plagas menos dignas – tenho muito que aprender, ainda. Vejo, entre estarrecido e abismado, que certos hábitos não são exclusivos de nossa aludida precariedade terceiro-mundista, mas que fazem parte do bojo da horda humana. Dia desses o Ministro das Finanças do Japão desfilou bêbado em uma entrevista coletiva. Flashes. Depois afirmou que foi efeito de um remedinho... E quem disse que cachaça (no caso saquê), também não cura gripe?

O Bush (e que os deuses do Texas o guardem para sempre), comprava a golpes de rodo sem licitação e deve estar muito preocupado com o volume extra de comissões em sua conta bancária:

- Bárbara, what is this?

Descobri também que nos EUA, terra mãe e pátria doce gentil do capitalismo mundial, não possui CVM (Comissão de Valores Mobiliários), e ninguém a não ser os próprios bancos que vigiam a si mesmos: e depois nós, de descendência lusitana, herdamos as piadinhas. Há que se fazer uma reviravolta na enorme gama de preconceitos mundiais.

Dentre todas as hipocrisias a que estamos acostumados, desmontemos algumas:

1) Eles não são melhores do que nós (quando digo ¨eles¨ refiro-me à nobre elite humana que reside acima dos trópicos e possui renda per capta de milhares e milhares de euros).

2) Nós não somos piores do que eles; talvez apenas um pouquinho desestimulados, embora tenhamos por aqui tipos como Chávez, Evo e Fidel.

O discurso otimista de Obama deve ter o efeito de novamente mobilizar o povo americano. Ergueram-se após a derrocada de 30 e se tornaram potência depois que as bombas nipônicas detonaram Pearl Harbor. De uma coisa não se pode duvidar: quando os EUA rugem, o mundo treme. Na dúvida é melhor tê-los como amigos...





Você gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos:

 
Facebook
Twitter: Google+

-------------------------------------------------------------------------------------------------------
s
s
------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O botão de comentário acima irá acionar o colunista para te postar uma resposta sobre o comentário. Ou, se preferir, comente usando seu perfil do Facebook:




:: Pequeno Dicionário das coisas que eu amo ( Humor - Alexandre Andrade )

:: Odeio o que se faz no MSN - Parte 1 ( Humor - Juliana Ladeira )

:: O Trânsito sem o Homem ( Humor - Jurandir Araguaia )

:: Entre Serra e Dilma... ( Humor - Jurandir Araguaia )

:: Aprendendo chinês ( Humor - Camila Santos )

:: Mandioca nos cornos ( Humor - Roberto Villani )

:: Celular foi feito pra perder ( Humor - Sandro Miranda )

:: As Incríveis Vantagens de Envelhecer ( Humor - Jurandir Araguaia )

:: Apresentando o Pai da noiva ( Humor - James Garden )

:: Receita de pesadelo para héteros ( Humor - Abilio Machado )

:: Querido papai Lulel ( Humor - Alexandre Costa )

:: Em Busca do Humor ( Humor - Jurandir Araguaia )

:: Piadas do Final de Semana ( Humor - Rodolfo Nunes )

:: Haja imaginação ( Humor - Priscila Magalhães )

:: Toim Muriçoca ( Humor - Gilson Pontes )

:: Casos de outrem ( Humor - Priscila Magalhães )

:: Duas anedotas em versos ( Humor - Paulo Hijo )

:: Água e chapinha não se misturam ( Humor - Vanise Macedo )

:: O que a crítica diz sobre a autora ( Humor - Sylvia Marteleto )

:: A freira e o taxista ( Humor - Abilio Machado )
 
 
LiveZilla Live Chat Software

 


   



Site administrado pela

Biblioteca ||  Classificados
Sala de Bate Papo